segunda-feira, outubro 25, 2004

BARBA DE RICK RUBIN CANDIDATA A PATRIMÓNIO MUNDIAL DA HUMANIDADE

Rick Rubin é um dos mais conhecidos, aclamados e odiados produtores do mundo. Ficando famoso quando fundou a editora Def Jam, donde saíram lendas do hip-hop como Run DMC ou Public Enemy, Rick Rubin, ou "Barbas", como é conhecido pelos amigos, nunca se cingiu a um único estilo musical. Tendo produzido artistas tão variados como Slayer, Johnny Cash, Beastie Boys ou Red Hot Chili Peppers, a importância deste produtor é inestimável.
A barba que este ostenta há já vários anos é amada por muitos, e Rick Rubin tende a não cortá-la. Nunca. Diz-se que, com as tranças certas, Rick Rubin podia ser rabi.
Um grupo de admiradores do produtor anunciou hoje a candidatura da barba a património mundial da Humanidade, pelo que, se não houver oposições, e não vai haver, será tornada isso mesmo.
Comenta Rubin, "É uma honra. Um gajo começa esta merda por ser preguiçoso e gostar imenso de piolhos e é uma honra ver este não-esforço ser recompensado. Custa-me muito mais, por exemplo, trabalhar com os palhaços dos Slipknot (não trabalhei com os outros membros, só com os palhaços) do que deixar crescer esta barba. Estou muito feliz, estou tão feliz que posso até cometer uma extravagância qualquer, como trabalhar com a Alanis Morissette, ou coisa que o valha. O que não vou fazer, de certeza, é cortar esta barba, já que, pelos cálculos do meu contabilista, demoraria exactamente 1.5 meses a fazê-lo."
Noutras notícias relacionadas, sai no dia 10 de Novembro um tributo à barba do "Barbas", bem como um estudo sobre o impacto que a mesma teve na música dos anos 80, 90 e 00.