quinta-feira, outubro 28, 2004

JOÃO NÃO É PAI DE BEBEL

João Gilberto ameaça processar a cantora Bebel por usurpação do nome.
Segundo o músico a sua filha "não canta, não sabe bater palmas, nunca dançou na vida e apenas sabe dois acordes de violão. Por isso eu digo que ela não é essa tal cantora que esteve na passada segunda-feira na Aula Magna, aí em Lisboa". Em declarações exclusivas ao Inimigo Musical, João Giberto acrescentou ainda que a sua filha "nunca viveu em Nova Iorque, nem sabe falar inglês".
No entanto o Inimigo Musical sabe que a cantora se prepara para assinar um acordo extra-judicial em que se compromete a deixar de pular em palco, pedir palminhas e deitar-se de costas no chão quando canta canções românticas. O que parece indicar que tudo não passa de mais uma birra do pai da bossa nova. Ao que conseguimos apurar, na última refeição em família, Bebel tossiu quando o pai comia a sopa e tinha a campainha da porta desafinada.
A redação do Inimigo Musical tentou contactar o tio de Bebel, Chico Buarque, mas foi sempre atendida por uma estranha gravação que dizia: "Não estou em casa, só volto à noite, e para de me telefonar JP que não faço duetos contigo, malandro".
Também nos chegou às mãos um comunicado a anunciar uma digressão portuguesa de João Gilberto, mas como sabemos que esta vai ser cancelada no próximo mês nem nos vamos dar ao trabalho.