terça-feira, janeiro 25, 2005

Um abraço ao Álvaro



INIMIGOS MUSICAIS UNI-VOS!: Sou fan do Inimigo Musical; mais um blogspot a " entupir" este IC19 que é a blogolândia.Recomendo.Nao diria que é uma especie de descendente directo do jornal mais serio e importante deste País.Mas digo que é muito necessario.A satira é mesmo uma arma, em especial quando os " nomes nao podem ser chamados aos bois".Por evidente traço de cultura sul europeia ,demasiado sensivel à observação e reflexao, geralmente confundida com conspirações, e que cruza indiscriminadamente o pessoal e o profissional, e geralmente sem se perceber onde acaba um e começa o outro.E: e...Onda somos todos muito amigos, quando o que queremos é pelo menos ter condições para trabalhar até às 19.Ou ás 17, consoante haja Greens disponiveis para a tacada; defice de tolerância; ausência de mecanismos de defesa e e a obvia confusao entre o ferir/ magoar/e a cultura somos todos gandas malukos instituida , num reino telecrata, instituido pelo AbsolutoImperador Outurela IV, por agora mais Principe do que Maquiavel, mas e em breve este Reino, oh Ceus,será curto para tanta excelsa sapiência.Satira? claro. Nem conheco o homem,nunca falei com ele.Nao faço ideia se é bom ou mau rapaz.Mas o nosso dedice cronica, poderia ver nisto uma especie de guerra e nao sei quê.Nada a ver.Mas aqui como sempre, embora satira seja uma arma legitima , coloco o nome.Na boa. .Estou a falar e é claro da pose e do estilo do Grande Educador Kim Penim IV. E mal iria o seu reino, se um modesto post de blog"derrubasse" a estatua colocada na Praça Herois da TB,em Pyongxide ou lá onde é que fica o Reino.A questao é que existe muito boa gente que tem esta perspectiva ,errada ou correcta e mais uma vez, PROFISSIONAL mas que nunca o diria, nao vá estar por perto, um emprego, ou 13 minutos num Festival, ou os 7 segundos de fama, passarem a menos que zero.Ou existir uma lista negra.Ou uma masmorra virtual.Por isso,o design Satira é um espaço de verdade; por vezes mais absoluta e crucial.Partam esta " merda " toda.Que bem precisamos.E cultura pop é mesmo o momento.Como por exemplo alucinar com a Skye Sweetnam, mais uma canadiana maluka , mas esta: oh meus amigos.Estrela, sem duvida.E, onda dá cabo dos rapazes todos; mete-os no bolso das jeans, onda melhor pesadelo que um jovem...pois..como eu , podia ter.Skye! nos VMAS LX O5 , já.E obrigado Gonçalo, Cesar,João e seja lá quem mais, que nos oferece um Skye destes...BANDA VISUAL: pois...

O IM teve o privilégio de receber este belo naco de prosa do nosso querido amigo e radialista e professor e senador de alguma coisa de certeza e por aí adiante Álvaro Costa. Álvaro Costa é o irmão novo e sem talento para o futebol do adjunto do Benfica, descendente directo daquele que é provavelmente o som e deriva directamente de D.Sancho, sim Portugal do que estás à espera, também eu gostava de ter natas a ferver no fogão e deliciar-me com um copo de leite, 7 minutos, enquanto o jazz jorra das colunas e o Sá Pinto marca golos na baliza contrária como nunca marcou nos tempos em que tinha joelho. Estava com um amigo e ele disse-me que o som estava óptimo, a perspectiva intrínseca das coisas é a mesma da da natureza dos homens, afinal do que estava a falar, ah pois é não estou a falar estou a escrever e isto não é rádio é um blog, era o mesmo que dizer ao coiso “Ella Fitzgerald”, malta nova e simplesmente anoitecer. O som é uma arma legítima, deriva directamente do que de melhor tem a lei, desde as Ordenações Manuelinas que o som é legítimo porque legitimado por lei, embora as guitarras nunca se calem e eu não pague nem mais um tostão de netcabo por escrever mais uma palavra num documento de word para depois fazer copy-paste e tal.
Por isso, Álvaro e essa malta que engoliste, um grande abraço e oferece-nos um Cornetto um dia destes.